CORVO

Corvus corax

BIOMETRIAS

Comprimento 54-67 cm

Envergadura 115-130 cm

Peso 0,69 a 2 kg

Apresenta uma plumagem totalmente negra com reflexos metalizados e bico muito grosso e grande. Tem asas compridas e ligeiramente estreitas, com “dedos” compridos. A cauda tem forma de cunha.

Outrora relativamente comum, o corvo é atualmente relativamente escasso na maior parte do território português e, apesar de ter uma distribuição ampla, ocorre geralmente em densidades muito baixas, raramente se vendo mais de dois ou três indivíduos juntos.

Frequenta sobretudo zonas pouco habitadas no interior do país, ocorrendo com relativa frequência em zonas escarpadas e inacessíveis. É uma espécie residente, podendo ser vista durante todo o ano. Esta ave está classificada como “Quase Ameaçada”.

O corvo faz os seus ninhos em escarpas, árvores ou em ninhos de aves de rapina que foram abandonados. Por vezes, nidifica também em estruturas como postes ou edificações. Apresenta uma dieta generalista que inclui matéria animal e vegetal. A sua dieta é composta ainda por carne de cadáveres, apresentando uma dependência parcial de ungulados domésticos.

Dentro dos fatores que mais contribuem para a mortalidade desta espécie estão a utilização de venenos, o abate ilegal e a perseguição direta. A intensificação da agricultura e da pecuária, bem como a eletrocussão, são também ameaças para esta espécie.

Contactos

Antiga Escola Primária, 5230-232 Uva (Vimioso)

+351 92 686 27 70​

palombar@palombar.pt

  • Black Facebook Icon

2018 Palombar